Transbrasil será ressarcida em R$ 400 mi por cobranças que provocaram sua falência

O juízo da 22ª vara Cível da Capital de SP determinou a intimação do Grupo General Electric nesta segunda-feira, 25, para efetuar o depósito de R$ 397.640.974,20 para a massa falida da Transbrasil. O valor é parte de uma indenização concedida pela Justiça em virtude de o Grupo ter causado a falência da Transbrasil com base em nota promissória já paga.

A condenação já foi confirmada pelo TJ/SP que, na ocasião, entendeu que a dívida que levou a Transbrasil à falência já tinha sido paga antes da quebra, e o uso indevido das notas promissórias pelo Grupo gerou danos materiais a serem ressarcidos. No STJ, as empresas do grupo GE alegam que a execução “poderia causar danos irreversíveis a qualquer empresa”. A condenação aguarda apenas julgamento final pelo STJ, que já negou 3 pedidos de medida cautelar formulados pelo GE.

A outra parte da indenização – possivelmente a de maior valor – ainda será objeto de liquidação, a ser feita por um perito, que irá verificar todos os prejuízos causados pela cobrança indevida promovida pela GE.

Fonte: www.migalhas.com.br

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>